8.11.08

Hierónimos


Diabos excitados

No episódio de ontem de O Fugitivo, o 102.º da série original, o Dr. Richard Kimble caiu nas mãos de um gangue de motociclistas, os Discípulos do Diabo. Claro que, sendo um nome próprio, se escreve com maiúsculas. Contudo, sempre «Diabo» se escreveria com maiúscula inicial, porque é um hierónimo. Lembra o Prof. Carmo Vaz a propósito do uso das maiúsculas: «Hierónimos, isto é, nomes de deuses e de fiéis das várias religiões vivas e mortas, incluindo entidades míticas malfazejas, como Altíssimo, Cristãos, Alá, Belzebu, Jeová, etc.» (Carmo Vaz. Código de Escrita: Linguística Portuguesa 1. Segunda edição revista e aumentada. Lisboa: Editora Portuguesa de Livros Técnicos e Científicos, 1983, p. 130).
Quanto à tradução, da responsabilidade de João Domingos, apresentava os erros mais comuns. Assim, Don (Lou Antonio) garante a Penny (Diana Hyland) que «não vão haver mortes». O Dr. Crosland (Harry Ellerbe), clínico geral, não sexólogo, recomenda a Lou que não excite (to upset) Penny. Seis formas de traduzir no contexto: perturbar, transtornar, indispor, sobressaltar, contrariar, afligir.

3 comentários:

simplesmente Maria disse...

É curioso que no dicionário Houaiss a entrada "diabo" aparece com a notação "inicial por vezes maiúscula". Diferente de "deus" onde se regista "inicial maiúscula".

Anónimo disse...

Será que podia dizer algo acerca da maneira correcta de pronunciar o "a" da palavra "actriz"? Haverá variantes? Eu abro-o, mas ouço quem num canal televisivo, em programa infantil, tenda a fechá-
-lo.Será variante (in)culta, social, regional, etc?

Fernando Martins disse...

Não percebo a moda da abertura das vogais. Quem ouve falar português na televisão tem a oportunidade de reparar num aumento gradual do uso de vogais abertas, principalmente o "a": [grafia e/ou acentuação alteradas para simular as formas orais referidas] áctriz, máiúscula, lárgada, alárgado, áctivada etc.