10.2.09

Referir as horas


Ali para Telheiras

Simpática, sim, mas com uma mania supinamente irritante.
— Boa tarde. A biblioteca fecha às 7 horas, não é?
— Deve querer dizer 19 horas, imagino.
— Não, é mesmo 7 horas, da tarde, porque agora faltam 15 minutos para as 6.
Jack Bauer ia gostar dela, Cinderela pós-moderna e digital que não tem de voltar para casa à meia-noite mas às 24 horas.

2 comentários:

Paulo Araujo disse...

É por essa razão que nas Marinhas do mundo o dia tem 24 horas e não doze mais doze.

Helder Guégués disse...

É, inegavelmente, uma forma inequívoca de referir o tempo — mas desnecessária no dia-a-dia.