7.8.09

Erros na televisão


Mais vale dormir


      Há muitas semanas que não via televisão. Ontem, dediquei uns minutos a esta actividade. Na Sic Notícias, Ana Lourenço entrevistava, a propósito do caso do Avastin no Hospital de Santa Maria, o oftalmologista Miguel Burnier, presidente do Departamento de Oftalmologia da Universidade de McGill (de Montreal), e confundiu medicamentos off-label use, expressão usada pelo médico, com medicamentos genéricos. Ainda fez um trejeito quando Miguel Burnier a corrigiu, mas já não havia nada a fazer. Mudei para a RTPN, em que Andrea Neves moderava um debate sobre a gripe A e, a determinada altura, perguntou a Filipe Froes, pneumologista do Hospital Pulido Valente e consultor da Direcção-Geral da Saúde, se o álcool em gel, produto utilizado na higienização das mãos para evitar que o vírus seja passado de pessoa para pessoa, causa habituação (!). Pergunta que também um homem da Idade Média faria. O médico disparou logo que o álcool não era para beber. Apanhada em flagrante, a jornalista lamentou ter feito aquela pergunta, mas já estava feita.

1 comentário:

MANCHOLAS disse...

Parabéns pelo Blog. Fiquei fã.