15.5.10

Ortografia: «sovieto-moçambicano»

Atentado ou acidente?


      Esta capa apócrifa, que aparece, por exemplo, na Wook, é que era a correcta. Há menos de meia hora, estive numa livraria e o que se pode ler na capa é «Páginas desconhecidas das relações soviético-moçambicanas». Correcto aparece ainda no blogue do autor, José Milhazes («O livro sobre “páginas desconhecidas das relações sovieto-moçambicanas” vai ser publicado pela editora Aletheia [sic], a quem agradeço desde já o apoio concedido.») e no convite para o lançamento. Já aqui referimos casos semelhantes, ficando o primeiro adjectivo truncado: sino-japonês, dano-chinês, nigero-congolês... Sovieto-moçambicano, pois. Percebo que no convite figure já a correcção, mas não na Wook. E talvez não se possa culpar o revisor, Helder Marques, pois não poucas vezes os editores — pelo menos até aparecer algum reparo numa recensão ou mensagens de correio electrónico de leitores indignados — não dão as capas a rever.

[Post 3458]


Actualização em 13.11.2010

      «E imagina-se mal que as rádios e as televisões concorrentes da RTP, e até os demais media, possam continuar a ser clientes da Lusa. Até porque o País viveria então num quase-regime sovieto-chinês!» («Uma absurda “agregação”», J.-M. Nobre-Correia, Diário de Notícias, 13.11.2010, p. 66).

2 comentários:

jjleiria disse...

Do Dicionário Houaiss:

soviético- el. comp. antepositivo, do top. União Soviética, seguido de hífen (...), em compostos do tipo AFRO- (...); há ainda a alternativa ou var. sovieto-.

Helder Guégués disse...

Eu sabia, caro José João Leiria, mas reputo mais correcto sovieto-, basta ver os casos analógicos. Contudo, há-de convir que mais estranho é verificar-se essa alteração entre a obra à venda, a capa «corrigida» que figura na Wook e o próprio convite. Alguém na editora, a determinada altura, pensou como eu, ou não?